quarta-feira, 9 de outubro de 2013

já nem sabemos quais as vozes ouvimos dentro do túnel. são tantas, tão diversas e repetitivas que já não as reconhecemos. pudera cumprir as horas de nuvem que tanto sonhou; pudera ir para além da próxima fase; diante do cara que decide tudo. projetos ocos, letras tortas, vozes chatas e um monte de enredos mal criados. inspiração do nada. e eram tantas outras opções oferecidas. teria sido amanhã aquilo que é ontem. hoje se foi.

Nenhum comentário: